Marcado como: população Ativar/desativar aninhamento de comentários | Atalhos do Teclado

  • Paulo Saab 12:51 em 29 de June de 2015 Link permanente | Resposta
    Tags: , , , , , , , , , população, , , ,   

    A CULPA É DE QUEM? 

    paulo_saabSó falta alguém assobiando, olhando para o alto, disfarçando, como se não fosse com ele.

    Essa é a imagem que me vem à cabeça quando vejo o governo, os políticos, e a mídia em geral, entrevistando os populares, sobre a violência da inflação que volta a se abater sobre os lares brasileiros, num conluio incestuoso com o desemprego, sem que ninguém mencione, de quem e a responsabilidade.

    É como se a inflação, o desemprego, a profunda crise financeira, sem falar a política, ocorra por obra do acaso, geração espontânea ou do Espírito Santo.

    Sem contar o fracasso que é o PSDB como oposição.

    (Mais…)

     
  • Paulo Saab 14:58 em 8 de June de 2015 Link permanente | Resposta
    Tags: , , , , , , , população, , , , ,   

    SANTA CORRUPÇÃO 

    paulo_saabA população de São Paulo e, por conseguinte a do Brasil, não aguenta mais o nível que chegou a corrupção. É algo já endêmico, pior do que epidemia, e dilacera as veias da irrigação do desenvolvimento equilibrado do país, vazando sua energia para abastecer os bolsos de (maus) cidadãos e (más) empresas que em conluio com os (maus) agentes públicos roubam as pessoas físicas e jurídicas pagadoras de impostos.

    O patamar da corrupção está muito acima do tolerável (quando deveria ser tolerância zero) e a autoridade pública brasileira, incluindo aí os três poderes da República, por omissão, incompetência ou interesse inconfessável, nada faz para reverter a situação além de discursos baratos e ações pontuais frágeis em casos que se tornam públicos. Mensalão, Petrolão, e o que mais ainda vai vir por aí, são meros exemplos de como o país se tornou um refúgio de salafrários.

    (Mais…)

     
  • Paulo Saab 13:11 em 6 de May de 2015 Link permanente | Resposta
    Tags: , , , , , , , , , , , , , , população, , , , ,   

    SINFONIA DE PANELAS 

    paulo_saabO Brasil vive uma fase de sua vida política e institucional, refletida também na econômica, onde existem duas realidades bastante distintas que saltam aos olhos das pessoas com capacidade de discernir. Só não as enxerga quem ainda vive dos favores e benesses da presença do PT no comando da máquina federal (e alguns outros governos igualmente medíocres, como o da governanta Dilma).

    Ainda assim, “sangrando”, vai aos poucos se esvaindo, esvaziando, a caminho do seu melancólico fim, esse período em que o lulo-petismo dividiu o Brasil em dois ou mais, e no qual a realidade que acredita e ainda persiste em defender, perde folego a cada dia.

    (Mais…)

     
    • fhj 11:14 em 7 de maio de 2015 Link permanente | Resposta

      a exposição é brilhante, mas cuidado,cuidado, porque o problema já não vem tanto do PT (parasitas), mas da ultraesquerda raivosa, como PSOL, PC, etc., que ainda, abertamente pregam revolução dos soviets!

  • Paulo Saab 12:52 em 4 de May de 2015 Link permanente | Resposta
    Tags: , , , , , , , , , , , , , população, ,   

    O MAL QUE LULA FEZ E FAZ, OU AGONIZA BRASIL! 

    paulo_saabMuito tempo ainda há de passar até que o Brasil possa apurar o montante de maldades e prejuízos que o lulo-petismo causou e ainda causa ao Brasil, pela forma patrimonialista como o ex-presidente e seus asseclas, se apossaram do país dando aos recursos de todos os brasileiros um caráter particular, de propriedade do apedeuta e seus partido.

    A cada dia uma novidade. Somam-se os desatinos e os malfeitos (palavra inaugurada pela governanta, que a lançou jurando combater e usa como regra) que juntos e misturados, revelam como o país foi e segue sendo traído pela senda petista na destruição nacional.

    (Mais…)

     
  • Paulo Saab 13:37 em 1 de April de 2015 Link permanente | Resposta
    Tags: , , , , , , , , , , , população,   

    PRIMEIRO DE ABRIL. TESTE PARA O LEITOR 

    paulo_saabA coluna abaixo, entre aspas, foi publicada no Diário do Comércio de São Paulo de 1 de abril de 2013. Dois anos depois, leitor, desafio-o (a) para um teste. Compare o que foi mencionado então, com a realidade atual e me responda apontando se houve alguma mudança e quais foram. Aponte novas manchetes de 1º de abril, se quiser. De “castigo” você receberá um exemplar de meu livro “Cidadania Já”.

    (Mais…)

     
    • Anonimo 19:21 em 1 de abril de 2015 Link permanente | Resposta

      Prezado Paulo, boa tarde,

      Sou leitor de sua coluna e gostaria primeiramente de parabeniza-lo pela eloquência em seus textos, sempre atuais.

      Pena vermos o que acontece em nosso país e a falta de encaminhamentos e soluções para as mais diversas questões. Vivemos um ‘desgoverno’ e uma crise nas instituições sem precedentes, reflexo não apenas dos anos de PT, mas de uma sincera falta de Projeto de Nação.

      Aceitando seu desafio, gostaria de contribuir com algumas manchetes recentes neste 1° de abril:

      – Governo ouve manifestações dos cidadãos brasileiros e apresenta pacote de reforma política, reduzindo para 5 o número de partidos no país

      – Governo nomeia ministros especialistas em suas respectivas áreas, rompendo com o tradicional rachadão partidário

      – Pela primeira vez na história, parlamentares apresentam balanço de despesas e discutem publicamente a aprovação do orçamento geral do país, priorizando áreas como saúde e educação

      – Brasil aproveita oportunidade histórica de sediar Jogos Olímpicos para investir no esporte nacional

      – Professores de ensino fundamental, médio e superior são os profissionais mais bem pagos, e Educação recebe aumento de investimentos, fazendo jus ao slogan ‘Brasil Pátria Educadora’

      – População transforma anseio por mudanças em comissões regionais de participação em políticas públicas, dando encaminhamento às manifestações, cobrando os políticos e transformando seus protestos em movimentos com pauta e objetivos claros

      Enfim, sou apenas mais um cidadão inconformado com o que vemos. Poderíamos passar o dia neste exercício, mas as manchetes do seu artigo não vão mudar tão cedo, infelizmente. Desculpe me extender.

      Fiquei curioso pelo seu livro, vou procurá-lo.

      Mais uma vez parabéns pelos artigos e pela coragem de fazer um jornalismo sério neste país.

      Se de alguma forma eu puder colaborar, fico à disposição.

      Um abraço e sucesso,

    • Manoel Sousa Lima Jr. 19:32 em 4 de abril de 2015 Link permanente | Resposta

      Amigo Paulo,

      Infelizmente, do jeito que as coisas vão, daqui a 100 anos essas manchetes continuarão atuais !

      um forte abraço,

      Manoel

  • Paulo Saab 15:05 em 23 de March de 2015 Link permanente | Resposta
    Tags: , , , , , , , , , , , população, , , , ,   

    O CÂNCER QUE CORRÓI O PAÍS 

    paulo_saabQuando um político é eleito sua vitória não representa torná-lo um ser diferenciado acima do bem e do mal e muito menos torná-lo santo ou eximido de pecados e falta de caráter, já que a maioria parece não ter.

    No sentido contrário, o derrotado não é condenado ao fogo eterno nem também condenado por ter ficado para trás numa corrida eleitoral. Fosse pecado perder eleição e Lula jamais teria chegado ao Planalto depois de três derrotas consecutivas no pleito presidencial.

    (Mais…)

     
    • Renato Donizete 14:57 em 24 de março de 2015 Link permanente | Resposta

      Caro Paulo, o que nos deixa desorientados, é o pouco caso às punições, genoíno já saiu, dirceu também, maluf nem se fala…
      Para os pais da pátria, classe média e empresários não são trabalhadores, nunca pagaram impostos, enfim nada fizeram de bom ao país. Essa argumentação se propaga em telejornais, revistas e redes sociais, só se fala que o governo prejudicou os trabalhadores…e nós não somos trabalhadores? por ser formado e ter um bom emprego, ou uma empresa de sucesso, somos excluídos? às custas de quem se faz “programa social”, esses famigerados bolsa daqui, dalí ? agora temos um novo herói…eduardo cunha…o santo !!! que já disse ao que veio. o câncer tem mais tentáculos do que imaginamos. Abraço

  • Paulo Saab 19:23 em 4 de March de 2015 Link permanente | Resposta
    Tags: , , , , , , , população, , , ,   

    A que fomos reduzidos 

    paulo_saab

    A vida política do país pega fogo. Petrolão é o escândalo do momento. Sempre há um quando se trata de PT e aliado$. Nomes envolvidos, rebeldia, denúncias, escândalos. Em vez de estarmos trabalhando num clima de prosperidade, estamos caminhando para uma recessão econômica e instabilidade política. Institucional não acredito, ainda.

    Nesse tormento em que o PT transformou a vida pública do país, o “poste” paulistano, prefeito Fernando Haddad, consegue seguir à risca a regra do petismo de um escândalo por dia.

    (Mais…)

     
    • fhj 17:35 em 4 de abril de 2015 Link permanente | Resposta

      como já citei noutra parte, o maior problema é que não há oposição esclarecida ou para não dizer pior, nenhuma – e o povo entorpecido com a propaganda enganosa se deixa levar pela argola no nariz…

  • Paulo Saab 15:30 em 18 de February de 2015 Link permanente | Resposta
    Tags: , , , , , população   

    E segue a cultura do errado 

    paulo_saabEntendo que determinados temas precisam ser reprisados para que sua compreensão,por parte dos inocentes e dos malfeitores, fique registrada.

    Por isso volto a dizer que há algumas distorções no cenário da vida do país que remontam à mesma origem, uma espécie de pecado capital da nacionalidade: a falta de educação.

    (Mais…)

     
    • CRezende 16:46 em 19 de fevereiro de 2015 Link permanente | Resposta

      E errado e o deseducado estão por todos os lados. Independentemente de nível de instrução, escolaridade.
      Como citou o caso do acostamento do “a bordo do não modesto carro”… Assim como (e desta vez serei eu o alvo dos inconformados), a recepcionista do consultório médico ou dentário que pergunta: “com ou sem recibo?” indicando valores diferentes e, com isso, praticamente cuspindo na minha cara de otário ao ser o pagador de meus impostos e se quiser, desses profissionais.
      A cultura do errado, na cabeça da maioria, de errado nada tem…

    • Renato Donizete 16:25 em 23 de fevereiro de 2015 Link permanente | Resposta

      Prezado Paulo; triste a sociedade que se inspira no desserviço dos meios de comunicação, que em seu ícone do horário nobre, o JN , seu editor chefe usa o termo “A grande maioria”, ou em um repórter que pergunta a uma mãe que acaba de ter o filho assassinado : “Qual é o seu sentimento nesse momento”? big brothers abomináveis, quão poder ainda lhes serão concedidos…ficaríamos uns bons anos discutindo, não é verdade? Infelizmente, não há entidade que represente o povo, a sociedade…enfim onde estão Oab’s, Confederações das Industrias, Conselhos Regionais, etc , etc? lamentável. Obrigado pelo espaço, um abraço cordial

c
escrever novo post
j
post seguinte/ comentário seguinte
k
post anterior/comentário anterior
r
Resposta
e
Editar
o
mostrar/esconder comentários
t
voltar ao topo
l
vá para login
h
mostrar/ocultar ajuda
shift + esc
Cancelar